Vector Mais fecha 2020 com um volume de vendas de 36 milhões de euros

No ano em que celebrou 20 anos de actividade na área do fit-out de interiores de escritórios, hotéis e retalho, a Vector Mais manteve a sua trajectória de consolidação. 2021 será um ano de crescimento apesar das dificuldades colocadas pela pandemia.

Apesar das dificuldades colocadas pela pandemia, a Vector Mais teve um ano positivo, registando 36 milhões de euros de volume de vendas e 29 milhões de euros de facturação.

Para Duarte Aires, CEO da empresa portuguesa, “o ano de 2020 foi um verdadeiro desafio à capacidade de gestão e resiliência das empresas e dos seus recursos humanos. Em contraciclo com a paragem da economia em alguns sectores críticos em Portugal, tais como a hotelaria e restauração, a construção continuou a operar e a ter oportunidades de crescimento. Aproveitando a imposição do teletrabalho, foi possível a algumas empresas realizarem a remodelação ou até mudança de localização dos seus escritórios.”

No ano de 2020, a Vector Mais realizou algumas das obras de interiores mais significativas a nível nacional, seja como empreiteiro geral ou com projecto chave-na-mão.

Na área dos escritórios destacam-se a obra da nova sede do Grupo Auchan em Paço de Arcos, a remodelação do escritório da SAP no Lagoas Park, da sede da ABB na Quinta da Fonte, e do edifício em Lisboa que acolhe os serviços globais da ConvaTec. Para além destes, a Vector Mais foi também responsável pela construção do primeiro centro de escritórios e cowork do Spaces em Portugal, pela renovação das instalações da SAGE em Matosinhos e iniciou ainda a primeira fase de remodelação do campus da Nestlé em Linda-a-Velha.

Na hotelaria, uma forte aposta da Vector Mais nos últimos anos, a empresa iniciou a primeira fase de remodelação do Hotel Ritz Four Seasons em Lisboa, numa obra que envolveu a reconstrução total de mais de 90 quartos e respectivos corredores de acesso.

O Novo Banco, foi o principal cliente na área de retalho. A Vector Mais foi responsável pela construção dos interiores das primeiras agências que apresentam a nova imagem do banco, com relevo para o ‘Balcão Master’ no Porto e para a agência do Fonte Nova em Lisboa.

Na área de saúde e bem-estar, a Vector Mais continuou a expansão da rede Physiohub com um projecto chave-na-mão para a sua nova clínica no Marquês de Pombal. No sector da restauração desenhou e construiu a inovadora cafetaria POP Eats, localizada no Porto Office Park.
Este ano foi também marcado pela continuada aposta da empresa na área de mobiliário, um departamento que faz parte do ADN da Vector Mais desde 2000. Este departamento foi responsável pelo fornecimento de mobiliário, iluminação, elementos acústicos e decorativos para grande parte dos seus projectos.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s