7ª edição de 2018 do Open House Lisboa conta com 38 espaços novos

Na sua 7ª edição, o OH Lisboa é mais uma vez o guardião que abre os portões da cidade durante dois dias, no fim-de-semana 22 e 23 de Setembro, com visitas gratuitas que serão difíceis de esquecer. Convidamos todos a descobrir o roteiro de 84 espaços, 38 dos quais novos. Este ano com a novidade de oferecermos também nove Percursos Urbanos feitos por especialistas a diferentes zonas de Lisboa. Para conhecer melhor a história, as mudanças e a arquitectura dos nossos bairros.

Esta foi a proposta do nosso comissariado de 2018, composto pelo arquitecto, crítico e professor Luís Santiago Baptista, e pela arquitecta, professora e investigadora Maria Rita Pais. A dupla dividiu Lisboa em nove zonas, utilizando um arco espacial e temporal que tem começo na zona histórica mas que tenta fazer um raio-X zona a zona trazendo a reflexão para a contemporaneidade. Queremos pensar a cidade de hoje carregando connosco o conhecimento da história e os desenvolvimentos urbanísticos trazidos com a modernidade.

O roteiro está organizado em nove zonas, numa tentativa de pensar a cidade de hoje carregando connosco o conhecimento da história e os desenvolvimentos urbanísticos trazidos com a modernidade. A diversidade é clara: de uma casa no Restelo à habitação colectiva Pantera Cor-de-Rosa em Chelas, da Garagem do Conde Barão até à Torre do Tombo, passando pelo atelier Cecílio de Sousa. Cabe depois ao visitante estabelecer as suas relações, pensar na sua experiência e nas modificações da sua cidade. Mas porque a diversidade não é apenas sentida na escolha dos espaços, e porque o OH Lisboa é para todos, temos também como de costume visitas de acessibilidade, actividades júnior, e programa Plus.

Habitar Lisboa em Transformação

A modernidade implicou fortes transformações na organização da cidade de Lisboa, ampliando os seus territórios a uma escala metropolitana e implicando a transformação progressiva dos seus tecidos históricos consolidados. É sobre esta estrutura urbana moderna que a cidade se tem desenvolvido, colocando hoje novos dilemas e desafios. Quando Lisboa aparece recorrentemente nos rankings das cidades mais atractivas e cosmopolitas, evidenciando os fenómenos urbanos, sociais e culturais inerentes ao nosso mundo globalizado, assistimos a uma transformação acentuada e acelerada não apenas da sua estrutura física mas igualmente dos seus usos e vivências. Porém, estes processos de mudança não acontecem na cidade de forma contínua e constante, mas vinculadas à natureza específica das suas diversas áreas urbanas e com diferentes intensidades e velocidades. Importará pois perceber as múltiplas energias e estímulos de cada uma dessas zonas, com os seus diferentes problemas, necessidades e possibilidades, nunca perdendo uma ideia de interdependência e coerência geral da cidade.

A edição de 2018 do Open House concentra-se na afirmação da Lisboa metropolitana, aquela em que hoje habitamos, com as suas múltiplas propostas modernas e contemporâneas. As obras arquitectónicas exemplares apresentadas no roteiro são assim compreendidas no seu enquadramento urbano, tendo em conta os diferentes modos de habitar a cidade, bem como as dinâmicas presentes na produção urbana actual. É neste âmbito que se pretende mostrar o papel que os arquitectos desempenharam e continuam a desempenhar nesse processo de transformação e qualificação de Lisboa. Em suma, o Open House 2018 é uma oportunidade não só de celebrar a cidade que temos, mas igualmente de reflectir sobre que cidade queremos no futuro.

Luís Santiago Baptista e Maria Rita Pais

Venha buscar o seu guia OH Lisboa antes do grande fim-de-semana!

 

Em cada nova edição, oferecemos uma nova maneira de olhar para Lisboa – estas visões merecem ser guardadas. O guia da 7ª edição já está disponível, pode levantá-lo na sede da Trienal no Campo de Santa Clara 145, às quartas, em dia de Fruta Feia. Nesses dias os portões do Palácio Sinel de Cordes estão abertos das 16h às 21h.

O roteiro deste ano tem 87 espaços, 39 dos quais novos. O nosso guia está diferente, tem mais conteúdo, como textos do comissariado sobre as zonas e espaços, e textos sobre os novos Percursos Urbanos. Os horários e outras informações podem ser consultadas no nosso site e no mapa em papel que disponibilizamos no fim-de-semana mais especial do ano – 22 e 23 de Setembro de 2018, a 7ª edição!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s